TESTE
por Suzane Carvalho

TESTE DO SUPERESPORTIVO DA AUDI EM INTERLAGOS
AUDI R8 5.2 FSI V10 4x4 e 525 cavalos



      Andar com o superesportivo da Audi derivado do modelo de competição que venceu cinco vezes a 24 Horas de Le Mans, em Interlagos, é quase a mesma coisa que andar com um carro de Fórmula 3.

    O propulsor V10 de 5.204 cc 525 cavalos de potência empurra o carro, e a tração 4x4 em conjunto com o diferencial com blocante que fica no eixo traseiro e mais a suspensão independente com braços duplos triangulares de alumínio, aliada aos largos pneus, ajudam a pregar o carro no chão permitindo acelerar tudo tanto nas retomadas quanto nas curvas mais rápidas.



      No final da reta, a velocidade foi de 245 Km/h, mas em uma reta mais longa, o carro chega a 316 Km/h e acelera de 0 a 100 em menos de 4 segundos.
      A largura dos pneus traseiros 295/30 e dos dianteiros, 235/35 fazem com que o carro aceite melhor as rápidas acelerações, e os freios, com 4 discos perfurados e ventilados internamente, com pinças de 8 pistões na frente e quatro pistões na traseira, me deixaram frear o carro a apenas 80 metros antes da curva do “S”, mesmo estando com pista úmida, tanque cheio e duas pessoas no carro. Em um Fórmula 3, chegamos a frear nos 35 metros.


      O peso total do carro é de 1.625 Kg, dando uma relação peso/potência de 3,1 kg por cavalo.

      O motor traseiro central, é o mesmo do Lamborghini Gallardo e fica em um compartimento de fibra de carbono. É aspirado com angulação entre os cilindros em “V” a 90º e o cárter de alumínio feito em parte, artesanalmente, trabalha a “seco”.

      A potência máxima de 525 hp é atingida a 8000 rpm e o torque, de 530 Nm, a 6500 rpm.

      A injeção é direta, e a compressão de 12,5:1. A aceleração lateral do carro chega a 1,2 G.

      São 3 os modos do câmbio de 6 velocidades: R-tronic (borboletas por detrás do volante), manual ou automático. Há ainda a opção de usar o modo esportivo, que muda o diferencial, encurtando todas as marchas. Em todos eles, existe um controle eletrônico que não deixa que uma marcha seja engatada se o carro ainda não se encontra na faixa de giro ideal.



      DESIGN
      O design é outro show. Com visual agressivo se visto de frente ou de costas; mas sua lateral tem linhas suaves, dando um ar elegante ao carro.




      Na lateral, dois imensos “sideblades”(palhetas para entrada de ar) ajudam na refrigeração do motor e no design agressivo.
      Na traseira do carro, as mesmas aletas pretas, deixam o desenho bem similar com a frente, e o escapamento tem duas grandes saídas ovais.
      As aletas de entradas de ar frontais, são pintadas de preto em alto brilho e direcionadas para os 3 radiadores, ficando os cromados apenas na grade central.

      O motor pode ser iluminado, e é coberto por uma tampa de vidro, fazendo-o ser objeto de admiração quando o carro está parado.

      O spoiler traseiro se estende automaticamente quando a velocidade aumenta.



      O visual agressivo dos faróis lembra a cabeça de uma águia. Sua eficácia é revelada pelas lâmpadas de xenon, e, para uma iluminação diurna, 24 LEDs distribuídos pela parte inferior, é uma novidade ainda exclusiva da Audi.
      Possuem ainda sistema de lavagem e sensores de luz e chuva, o que faz com que se acendam automaticamente.











      As rodas de 19 polegadas tem um desenho de 5 “Vs” estilizados.

      CHASSI
      A carroceria tem rigidez elevada com tecnologia de construção leve e pesa apenas 210 quilos.
      O motor é fixado sobre um quadro de magnésio ultraleve que influencia no comportamento aerodinâmico além de deixar o carro mais seguro no caso de uma batida.

      Os amortecedores possuem campos magnéticos para que a adaptação às diferentes condições de uma estrada, possa ser feita em milésimos de segundo, corrigindo assim a transferência de peso do carro. O controle para um motorista normal é realmente impressionante, não permitindo erros de dirigibilidade. Não consegui fazer o carro escorregar de traseira, e tive que usar técnica para colocá-lo “de lado” na curva “Bico de Pato”.

      INTERIOR
      Seu interior é luxuoso, com muita fibra de carbono e couro. São apenas 2 lugares, porém, espaçosos, e os bancos vem com pigmentos para refletir os raios infravermelhos e deixá-los com temperatura mais baixa no calor, e aquecimento para os dias mais frios.

      Vem ainda com sistema multimidia com tela de 6.5” de alta resolução e câmera na traseira para auxílio nas manobras em estacionamentos.

      Para levar equipamentos ou bagagens há um espaço de 100 litros no compartimento dianteiro.



      O tanque tem 90 litros, e segundo a Audi, o consumo fica entre 4,8 Km/l na cidade e 10,4 Km/l na estrada.

      São muitos os detalhes do R8, e vale a pena uma visita a uma concessionária para admirá-lo.

      Existe também uma versão com motor V8 de 420 cavalos, que somados aos de motor V10 de 525 cavalos, dá um total de 30 unidades comercializadas no Brasil até hoje, sendo que nenhum para uma mulher.

      O preço da versão testada é de R$ 700.000,00


      Fiquei feliz em ser uma das primeiras pessoas a testar o Audi R8 V10 no Brasil.







Março de 2010

LEIA AQUI ALGUNS TESTES DE CARROS, MOTOS E CAMINHÕES FEITOS POR SUZANE

TESTE DA SUZUKI GSX 1300R HAYABUSA

TESTE DA YAMAHA TÉNÉRÉ 250

TESTE DE 100 Km DO J6, MINIVAN DA JAC MOTORS

1.500 KM COM O JAC J3 TURIN

TESTE DA HARLEY-DAVIDSON SOFTAIL DELUXE

HONDA HORNET 600 NA PISTA E NA ESTRADA

RANGE ROVER VOGUE TDV8 4.4

TESTE DO NOVO CARGO 1932 DA FORD

APRESENTAÇÃO/TESTE DA BIG TRAIL DA HONDA, XL 700V TRANSALP

EXPEDIÇÃO-TESTE COM O LUXUOSO OFF ROAD, LAND ROVER FREELANDER 2

APRESENTAÇÃO/TESTE DA HONDA VFR 1200F

TESTE DO JAC J3 HATCH

TESTE DO MERCEDES-BENZ CLASSE C 250 CGI

TESTE DO LAND ROVER DEFENDER

COMPARATIVO ENTRE 3 MODELOS DO FIAT IDEA

TESTE DO FIAT PUNTO 1.8

APRESENTAÇÃO DA HONDA SHADOW 750 2011

TESTE DA HONDA BIZ 125 FLEX 2011

TESTE DA SUZUKI GSX-R 1000

TESTE DO BRAVO, O NOVO HATCH ESPORTIVO DA FIAT

TESTE DO INSIGHT E DO CR-Z, OS MODELOS HÍBRIDOS DA HONDA

TESTE DO MUSCLE CAR DA GM, O CHEVROLET CAMARO 2011

TESTE DOS NOVOS MOTORES E.TORQ DA FIAT

APRESENTAÇÃO E TESTE DO CITROEN C3 AIRCROSS

TESTE DA HONDA CBR 1000RR FIREBLADE

TESTE DO CAMINHÃO ACTROS DA MERCEDES-BENZ

TESTE DO NOVO UNO ATTRACTIVE 1.4 NA ESTRADA

TESTE DA KAWASAKI NINJA ZX-10R

TESTE DO NOVO SORENTO

40 ANOS DO RANGE ROVER

30 ANOS DO GOL

TESTE DA YAMAHA XJ6N

TESTE DO SUPERESPORTIVO AUDI R8 V10

TESTE DO NOVO DOBLÒ

TESTE DO CHEVROLET AGILE

TESTE DA HONDA XL 1000V VARADERO

TESTE DO HONDA NEW FIT

TESTE DA HONDA LEAD

TESTE DA HONDA XRE300

TESTE DA HONDA CB300R

TESTE DO TOYOTA SW4 GASOLINA

TESTE DA HONDA VTX 1800C

TESTE DA YAMAHA DRAG STAR 650

TESTE DA YAMAHA XT660R

TESTE DA YAMAHA XTZ 250 LANDER